Você adora a área da saúde e está com ansiedade para entrar logo no mercado de trabalho? Então o curso de Auxiliar de Enfermagem pode ser a sua melhor opção! Isso porque ele tem curta duração e pode ser iniciado antes mesmo do término do ensino médio.

As oportunidades de emprego são diversas, o que facilita ingressar em uma boa vaga. Está pensando nessa possibilidade, mas ainda não entende muito sobre a profissão? Não tem problema! Neste post, trazemos tudo o que você precisa saber para se tornar auxiliar de Enfermagem. Vamos lá?

Curso Auxiliar de Enfermagem

O curso de Auxiliar de Enfermagem é cada vez mais procurado por quem acaba de sair do ensino médio. Entretanto, ainda há muitas dúvidas sobre as diferenças entre ele e outros cursos da área. Você sabe o que cada um representa? Veja, a seguir:

  • Curso de Auxiliar de Enfermagem: é de nível médio, tem duração média de 15 a 18 meses e forma auxiliares de Enfermagem;
  • Curso de Técnico em Enfermagem: é um curso técnico, de nível médio, dura por volta de 2 anos e forma técnicos em Enfermagem;
  • Curso de Enfermagem: é uma graduação, portanto, de nível superior. Tem duração média de 5 anos e forma enfermeiros.

Como mostramos, o curso de Auxiliar de Enfermagem pode durar até 18 meses. Isso depende da carga horária da instituição de ensino. Nele, o aluno tem aulas teóricas, em sala de aula, e práticas, feitas em laboratórios. Há também o estágio obrigatório, em que o estudante atua como estagiário nas organizações de saúde, como clínicas, hospitais, unidades básicas etc.

Sabia que não é preciso ser maior de idade nem ter terminado o ensino médio para se matricular em Auxiliar de Enfermagem? Pois é! Porém, ao concluir o curso, é preciso ter encerrado o ensino médio. Isso é bom porque dá oportunidade de ingressar logo no mercado de trabalho.

Para atuar como auxiliar de Enfermagem, é necessário se registrar no Conselho Regional de Enfermagem (COREN) do estado em que exercerá a função. A inscrição no órgão é muito simples e não precisa de prova, apenas a apresentação dos documentos pedidos e o diploma reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC).

O que faz?

Entre tantas profissões da área da Enfermagem, o que, exatamente faz um auxiliar? Muitas vezes, esse profissional é o que tem o primeiro contato com o paciente recém-chegado à instituição de saúde. A partir daí, ele reconhece e descreve os sintomas relatados para, então, encaminhar o paciente para os cuidados dos enfermeiros e dos médicos.

Aliás, o auxiliar é como um braço de direito dos demais profissionais de saúde dentro de uma organização. Sua principal função é cuidar do bem-estar do paciente no que se refere a higiene, alimentação, curativos, medicamentos etc. No dia a dia, ele exerce diversas atividades. Veja algumas:

  • aplicar vacinas e injeções;
  • ministrar medicamentos;
  • colher material para exames;
  • atuar em pré e pós-operatórios;
  • esterilizar materiais;
  • auxiliar enfermeiros e médicos na execução dos tratamentos;
  • fazer troca de curativos;
  • assegurar o bem-estar do paciente na medida do possível.

Não para por aí! O auxiliar de Enfermagem também pode executar serviços administrativos, como controle dos materiais ambulatoriais (seringas, agulhas e outros) e ajudar nos processos de admissão e alta dos pacientes.

Onde estudar?

Como mostramos, para ser um auxiliar de Enfermagem, é necessário fazer o Curso de Auxiliar de Enfermagem. Por aqui, é bem fácil encontrar instituições de ensino que oferecem o curso, como escolas profissionalizantes, centros de formação e, até mesmo, alguns hospitais-escolas.

Antes de fazer sua matrícula, é importantíssimo verificar se a instituição escolhida é autorizada pelo MEC. Isso porque o diploma só é válido com esse reconhecimento. Imagine estudar um ano meio para, então, descobrir que não pode atuar na profissão porque o diploma não tem validade? É uma situação bem chata!

Além disso, é interessante saber se a escola tem fiscalização do COREN. Dessa maneira, você garante que fará um curso com maior prestígio, o que é ótimo para ingressar no mercado de trabalho.

Eligis - teste vocacional e profissional

 Auxiliar de Enfermagem: curso Senac

O Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) é uma instituição voltada para a educação profissional. Atualmente, oferece o curso de Auxiliar de Enfermagem do Trabalho, que é direcionado para a especialização de auxiliares já formados. É uma ótima área para se especializar, não é mesmo?

Auxiliar de Enfermagem: curso Senai

O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) é bem parecido com o Senac, mas a proposta é formar profissionais para a área da indústria. Por esse motivo é que não há cursos na área de Enfermagem.

Mercado de trabalho

enfermagem

O mercado de trabalho para o auxiliar de Enfermagem é bem amplo, mesmo para tantos profissionais disponíveis. Atualmente, existem, aproximadamente, 2 milhões de profissionais da Enfermagem, sendo mais de 400 mil auxiliares. Entre as diversas áreas de atuação, os auxiliares de Enfermagem podem trabalhar em:

  • hospitais;
  • consultórios médicos;
  • laboratórios;
  • clínicas;
  • casas de repouso;
  • asilos;
  • creches;
  • centros de recuperação;
  • home care (serviços de cuidados em pacientes em casa).

Por todo o Brasil, há diversas oportunidade, especialmente no interior e em regiões de maior vulnerabilidade social e econômica. Isso é ótimo para quem deseja começar a trabalhar logo. Além do mais, é uma chance de crescimento profissional e pessoal.

Quanto ganha um auxiliar de Enfermagem

Sabemos que o auxiliar de Enfermagem é um profissional fundamental nas instituições de saúde e que uma das grandes vantagens do curso é entrar no mercado de trabalho em menor tempo, mas quanto o profissional ganha? Afinal, um dos objetivos ao trabalhar é ser bem-remunerado, não é mesmo?

Assim como todas as outras profissões, o salário do auxiliar de Enfermagem pode variar muito. Isso porque depende do porte da empresa, da região de atuação, da experiência, do cargo ocupado etc. Entretanto, para você não ficar sem uma ideia sobre os ganhos da profissão, a média salarial é de 1700 reais mensais.

Um auxiliar no início de carreira que trabalha em um hospital pequeno pode ganhar 1100 reais por mês. Já outro mais experiente, em um grande hospital, pode chegar a 2.800 reais de remuneração mensal.

Além disso, como muitos auxiliares trabalham por turno, há a possibilidade de atuar em mais de um lugar, o que amplia as oportunidades de ganhos.

O curso de Auxiliar de Enfermagem é uma ótima opção para quem adora a área da saúde e pretende trabalhar pouco tempo após a conclusão do ensino médio. A profissão oferece diversas possibilidades de atuação e muitas oportunidades no mercado de trabalho.

E aí, já sabe qual carreira escolher para chamar de sua ou ainda não? Um teste vocacional pode ajudar nessa missão. Aproveite que está por aqui e entenda o que é!

Campanha Always On Cronograma
Você pode gostar também