Você é do tipo que gosta de jogar online, tem um console de última geração, coleciona games e está sempre por dentro dos lançamentos do mercado? Pois saiba que a sua futura carreira pode ter tudo a ver com esse seu hobby. Isso, porque muita gente desconhece, mas a formação em Design de Games é a que capacita os profissionais responsáveis por esse segmento. 

Ficou interessado em saber mais sobre essa graduação? Então, acompanhe o post veja no que ela consiste e como é essa área de atuação!

O que é Design de Games

A área de Design de Games é a encarregada da concepção e produção dos jogos que temos nos mais diversos dispositivos (como celulares, tablets, computadores e consoles) que tanto nos divertem e entretêm — e que, para muitos, até já se tornaram uma carreira, como é o caso dos jogadores profissionais de games, que participam até de campeonatos internacionais.

É um segmento muito tecnológico e que vem se expandindo ano após ano graças aos avanços em animação gráfica, aplicação do 3D em programas e interatividade online entre usuários da rede.

O profissional dessa área realiza inúmeras atividades no dia a dia de trabalho, como elaboração e desenvolvimento de enredos, personagens, cenários, diálogos, missões, combates/duelos, expansão de universo etc.) — tarefas complexas e que, em muitos casos, requerem horas de dedicação exclusiva, para evitar falhas que comprometam a usabilidade do jogo. 

Curso de Design de Games

Neste tópico, nós vamos falar sobre vários pontos importantes envolvendo o curso de Design de Games, como os formatos disponíveis para os vestibulandos, a duração da graduação, as disciplinas que são estudadas e as diferenças entre ele e a formação em Jogos Digitais. Por isso, fique atento!

Diferença entre os cursos de Design de Games e Jogos Digitais

A graduação em Design de Games é centrada na produção criativa de jogos, na viabilidade deles para diferentes plataformas, na experiência do jogador e nos conceitos de programação. 

Já o curso de Jogos Digitais visa questões relacionadas à estética dos gráficos, à animação, aos softwares utilizados pelos games e à simulação de ambientes virtuais. Em suma, são áreas que trabalham juntas, lado a lado, mas não são a mesma coisa.

Eligis - teste vocacional e profissional

Formato da graduação

O curso de Design de Games é encontrado em dois formatos: o bacharelado e o tecnológico. No primeiro caso, você estuda por quatro anos todos os aspectos relacionados à concepção e produção de protótipos de novos jogos, o que também envolve conteúdos de outras áreas, como Marketing, Artes Visuais, Audiovisual e Ciência da Computação.

Já na segunda opção, serão dois anos voltados para o aprofundamento do seu conhecimento experiencial sobre as etapas do desenvolvimento dos jogos, sempre dando especial atenção àquelas mais complexas e que contam com menos oferta de profissionais no mercado — visando, assim, suprimir essa carência do setor.

Grade curricular

Como há dois tipos degraduação, cada uma apresenta uma grade curricular própria. Tanto é que, por exemplo, o bacharelado conta com um volume maior de matérias e com estágio supervisionado, enquanto o tecnólogo concentra um maior número de projetos práticos. No entanto, ambos os formatos compartilham, sim, de alguns conteúdos, e são eles os que listamos abaixo para você conferir. Veja:

  • Design de Interação;
  • Modelagem e Texturização;
  • Ilustração Digital;
  • Desenvolvimento 2D e 3D;
  • Direção de Arte Aplicada aos Jogos;
  • Teoria das Cores;
  • Mecânicas dos Jogos;
  • Arte Conceitual;
  • Processos de Storytelling.

Design de Games: faculdade

“Eu já sei como é a formação em Design de Games. A minha dúvida agora é saber onde cursá-la”, você pode estar pensando, pela vontade de já começar a se preparar para o Enem ou o vestibular adotado em cada local. Por isso, antes de qualquer coisa, é importante ter em mente que esse curso começou a ser ofertado há menos de duas décadas no país.

Tanto é que o Ministério da Educação, por meio da plataforma de registros do Sisu, mostra que ainda não há universidades, centros universitários ou mesmo instituto federais que contemplem essa graduação. Nessas instituições públicas, apenas é possível encontrar o curso de Jogos Digitais — ainda assim, a quantidade é consideravelmente limitada.

Portanto, se você quer, de fato, fazer essa graduação, deve recorrer às faculdades particulares, como a Universidade Anhembi Morumbi, a Faculdade Maurício de Nassau e o Centro Universitário Internacional.

A carreira do profissional

O profissional da área costuma segmentar a própria atuação por meio de cursos livres, workshops, treinamentos e pós-graduações, para adquirir mais habilidades técnicas e poder ocupar cargos de especialista em animação, modelagem, sonoplastia e outros campos relacionados à produção de games.

Mercado de trabalho

O designer de games atua, principalmente, em empresas do setor de desenvolvimento de jogos eletrônicos e softwares. Além disso, há bastante demanda de trabalho para a categoria em agências de publicidade, estúdios audiovisuais, escritórios de arquitetura e design e provedores de conteúdo digital.

Design de Games: salário

Emsondagem disponível no site Salário, foi identificado que o designer de games ganha em torno de R$ 3.736,54 e trabalha 43 horas por semana. 

Contudo, esse valor é apontado como a média salarial daqueles que atuam em micro e pequenas empresas. Isso, porque os que prestam serviços a organizações de porte médio e grande ganham entre R$ 4.826,41 e R$ 10.212,40. Um bom retorno financeiro, não?

Isso é algo que pode ser notado, por exemplo, com os profissionais da área que são contratados por companhias internacionais para trabalhar em escritórios no Brasil — com demandas específicas envolvendo o país — ou por negócios com parte da produção voltada para a comercialização no exterior.

Afinal, o mercado nacional de jogos movimentou 1,5 bilhão de dólares só em 2018, como ressaltoupesquisa promovida pelo Instituto de Medição Newzoo, e já ocupa a 13ª colocação entre as principais praças de lançamento, venda e distribuição de games no planeta.

Viu só como o Design de Games é um ramo promissor e que dá a oportunidade de você atuar com a criação daquilo que é justamente o seu hobby? Por isso, não deixe de se manter informado sobre ele e de pesquisar a respeito das principais empresas do segmento no Brasil. Assim, você pode ter uma ideia dos projetos que estão em desenvolvimento em solo nacional e de como eles são encarados no mercado global!

E já que abordamos o Design de Games neste post, aproveite para saber mais sobre a área do Design, que é bem vasta!

Campanha Always On Cronograma
Você pode gostar também