É inegável como, entre as opções de curso de muitos jovens aparecem Direito, Medicina, Engenharia e Letras. Isso, inclusive, é constatado pelas sinopses estatísticas do Inep, que apontam os cursos entre as quatros áreas de ensino mais buscadas no vestibular de 2018.

Porém, apesar do interesse que desperta, a formação em Letras ainda gera muitas dúvidas nas pessoas, principalmente em relação ao que é visto em sala de aula, ao tipo de graduação que é ofertado nas faculdades e as opções de carreira que podem ser seguidas nesse ramo.

Por essa razão, elaboramos este post para sanar suas questões e mostrar como um curso de Letras pode ser o pontapé inicial para uma carreira repleta de oportunidades. Confira!

Curso de Letras

Ao contrário do que pode parecer, não se trata de apenas um único curso, mas sim de um segmento de graduações que têm o mesmo propósito: a qualificação de profissionais que não apenas dominam as construções gramaticais e morfológicas de uma língua, mas a história de transformações que ela sofreu ao longo do tempo e suas variantes. Isso sem falar, é claro, nos aspectos fonéticos, fonológicos, sintáticos, linguísticos e de escrita que a envolvem.

Geralmente, eles são encontrados como licenciaturas, uma vez que parte dessa formação também envolve a capacitação dos estudantes para que, quando graduados, atuem como professores no ambiente escolar.

No entanto, caso queira um curso direcionado para o mercado de trabalho mais amplo, saiba que você também pode encontrar bacharelados em Letras em diversas instituições de ensino superior. Vale comentar ainda que tanto uma opção quanto a outra têm, em média, oito semestres de duração.

Já em relação às disciplinas que você terá, saiba que elas vão mudar de acordo com o formato desejado (licenciatura ou bacharelado) e a habilitação escolhida (que pode ser Português, Inglês, Espanhol, Francês etc.). Por isso, reunimos abaixo aquelas matérias mais gerais que costumam ser apresentadas nas mais diferentes grades curriculares. Veja:

  • Linguística Geral;
  • Semântica e Pragmática;
  • Análises do Texto Escrito;
  • Leitura e Produção de Textos;
  • Morfossintaxe da Língua;
  • Gêneros Textuais;
  • Teorias Literárias;
  • Língua e Cultura;
  • Linguagem de Sinais;
  • Gramática Funcional;
  • Criação Lexical.

Curso de Letras a distância

“Posso realizar um curso de Letras EAD?”, você deve estar se questionando, já que muitos jovens trabalham ou moram distante dos centros de ensino onde gostariam de estudar, o que acaba comprometendo ou mesmo dificultando a frequência nas aulas diárias e o envolvimento nas atividades do campus. Por isso, saiba que a resposta é positiva.

Você encontra não só licenciaturas nessa modalidade, mas também curso de Letras bacharelado a distância. Um detalhe importante é que as graduações desse tipo muitas vezes são ofertadas em um período de tempo reduzido de até três anos, o que significa que você terá seu diploma mais rápido e em curto prazo estará ativo no mercado de trabalho.

Onde estudar Letras?

As graduações em Letras estão disponíveis por todo o país, nas mais diferentes instituições de ensino. Abaixo, reunimos alguns exemplos de universidades federais e estaduais nas quais o ingresso de estudantes se dá por meio do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e você encontra um ou mesmo mais cursos nessas área. Confira!

  • Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC); 
  • Universidade Estadual de Minas Gerais (UEMG);
  • Universidade Federal de Alfenas (UNIFAL);
  • Universidade Federal de Campina Grande (UFCG);
  • Universidade Federal do Ceará (UFC);
  • Universidade Federal de Alagoas UFAL);
  • Universidade Federal Fluminense (UFF);
  • Universidade Federal do Oeste do Paraná (UNIOESTE);
  • Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG);
  • Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS); 
  • Universidade Federal do Acre (UFAC).

Letras: USP

Além das faculdades anteriores, há a Universidade de São Paulo (USP), que também se destaca quando o assunto é Letras — e isso se deve a dois motivos. O primeiro é o renome dela no país. Para se ter ideia, ela foi considerada pela edição de 2019 do Ranking de Universidades da Folha de São Paulo (RUF) a melhor instituição brasileira, destacando-se pela produção científica, pelo grande volume de alunos internacionais e pelo alto índice de empregabilidade dos recém-formados.

Já o segundo é a diversidade de graduações em Letras. Além da tradicional licenciatura, a USP disponibiliza 16 bacharelados nas mais diversas áreas, como Inglês, Italiano, Russo, Coreano e Grego. Esse formato contribui para uma maior gama de oportunidades profissionais, já que ao se graduar você pode atuar como professor de escola de idiomas, escritor literário, tradutor de edições literárias e obras audiovisuais, revisor de textos, assessor institucional de órgãos de cultura e muito mais.

Eligis - teste vocacional e profissional

Mercado de trabalho

Agora que já falamos sobre os cursos de Letras e os locais onde você pode realizá-los, vamos mostrar algumas informações importantes sobre o mercado de trabalho. Veja! 

Renda média do profissional de Letras

Como o profissional de Letras pode atuar em múltiplos segmentos, reunimos alguns dados do portal Salário para mostrar quando você pode ganhar em algumas atividades. Por exemplo, um professor de Português no Brasil trabalha 23 horas semanais e recebe, em média, R$ 3.064,98, enquanto um professor de Língua Inglesa ganha em torno de R$ 2.593,30 para uma carga semanal de 28 horas.

Um tradutor, por sua vez, recebe por volta de R$ 3.508,96 para uma jornada semanal de 41 horas. Já um intérprete tem rendimento de R$ 2.414,93 mensais para 33 horas semanais.

Onde o profissional de Letras trabalha?

Como já foi dito, o licenciado em Letras e o bacharel em Letras seguem carreiras distintas. Por isso, é possível encontrá-los em ramos diferentes. Quem escolhe a licenciatura atua em colégios, faculdades e centros de pesquisa linguística e extensão acadêmica.

Já quem opta pelo outro formato de curso trabalha em editoras, serviços de streaming, estúdios de tradução, produtoras de audiovisual, emissoras de TV, órgãos públicos, pastas governamentais, agências de turismo e organizações socioculturais.

A carreira em Letras

Para encerrar, é interessante comentar um aspecto importante da carreira em Letras que muita gente desconhece. Ao se licenciar na área, você pode investir na internacionalização dela. Isso porque muitas instituições estrangeiras disponibilizam bolsas para mestrado e doutorado fora do país para professores.

Nesse período, você não só aprofunda sua formação acadêmica, mas também atua como docente no seu destino, lecionando língua e literatura portuguesa ou mesmo no idioma que estuda. Dessa forma, além de ganhar experiência profissional diferente e conhecer outros mercados de trabalho, você torna seu currículo muito mais atrativo e competitivo ao retornar para o Brasil.

Viu só como a formação em Letras é bem diversificada e permite que você trilhe diferentes trajetórias profissionais? Por isso, se você curtiu essa área e quer saber ainda mais sobre ela, é uma boa ideia conversar com os professores para conhecer a respeito da vivência deles não só na faculdade, mas também no mercado de trabalho. Sem dúvidas, você descobrirá informações preciosas sobre a carreira!

Aproveite o tema deste post e veja também como um teste vocacional pode ser útil para o vestibulando durante a escolha do curso!

Você pode gostar também