Você não pode ver um cachorro que já quer fazer carinho? Leva jeito com os bichos? Gosta de uma fazenda e de lidar com os bichos? Ou ainda: acha interessante a área cirúrgica? Então, provavelmente, já passou pela sua cabeça cursar Medicina Veterinária.

Essa é uma profissão muito admirada no mundo todo, tanto que é uma das que as crianças sempre citam quando questionadas sobre o que gostariam de ser quando crescer. Esse mercado continua aquecido, independentemente da crise econômica, o que aumenta as chances de ter uma carreira de sucesso.

Quer ficar por dentro de tudo sobre o curso e como se tornar um médico veterinário? Então continue a leitura, pois, neste post, a gente contou tim tim por tim tim. Vamos lá?

Curso de Medicina Veterinária

A origem do nome da profissão “veterinário” é bem curiosa e interessante. Na Roma antiga, quando os animais usados no exército ficam mais velhos, eram levados para um local de descanso. Quem cuidava desses bichinhos eram chamados de veterinarii, que quer dizer “velho ou idoso”.

A Medicina Veterinária é uma das áreas do conhecimento ligadas à saúde. Engana-se quem acha que é apenas dos animais. A saúde humana também é atendida por essa profissão. Isso porque várias doenças que podem afetar os humanos vêm de animais, as chamadas zoonoses. Nesse caso, a Medicina Veterinária é responsável pelo controle das patologias.

O médico veterinário trabalha em prevenção, controle, erradicação e tratamento das enfermidades e dos traumatismos de todas as espécies de animais, tanto domésticas quanto silvestres. Além disso, atua na qualidade e na segurança dos alimentos de origem animal.

Faculdade de Medicina Veterinária

Para se tornar um profissional é preciso cursar a faculdade de Medicina Veterinária, que oferece a titulação de bacharelado. O curso dura, em média, 5 anos, e exige bastante tempo e dedicação do estudante. Isso porque, na maioria das vezes, é em horário integral. Ou seja, a disponibilidade do aluno deve ser total.

Nos primeiros 2 anos, o curso é mais abrangente em disciplinas ligadas às áreas de Ciências Biológicas, Exatas e Sociais. Depois disso, é que as matérias começam a ser mais específicas com os estudos de doenças e técnicas cirúrgicas, por exemplo. A seguir, confira um pouco da grade curricular obrigatória:

  • Biologia;
  • Estatística;
  • Genética;
  • Microbiologia;
  • Nutrição Básica;
  • Morfologia dos Animais;
  • Anatomia dos Animais;
  • Parasitologia;
  • Química.

Para se formar e obter seu diploma, é preciso fazer e apresentar o famoso TCC (Trabalho de Conclusão de Curso). Além do mais, o estágio supervisionado é obrigatório. Sendo assim, prepare para dedicar bastante do seu tempo à graduação.

Não se esqueça de optar sempre por uma instituição que seja aprovada pelo MEC (Ministério da Educação), pois, sem esse reconhecimento, o diploma não tem valor legal. Imagine estudar por 5 anos para depois descobrir que o esforço não valeu e não poderá atuar. Não dá, né?

Medicina Veterinária EAD

Muita gente tem o sonho de ser médico veterinário, mas por alguma razão, não tem acesso ao curso presencial. Para essas pessoas, as notícias não são boas. Embora o MEC tenha permitido que o curso de Medicina Veterinária possa ser oferecido como semipresencial, nenhuma instituição o lançou nessa modalidade.

Podemos dizer que a razão principal para isso seja adaptar uma grade curricular tão prática ao ensino a distância. As atividades práticas, como as de técnicas cirúrgicas, devem ser supervisionadas por professores e são muitas, sendo um desafio para as instituições oferecerem essa opção.

Eligis - teste vocacional e profissional

Medicina Veterinária USP

A USP é uma das quatro universidades mantidas pelo Governo do Estado de São Paulo. Ou seja, ela é pública, portanto muito concorrida. O curso de Medicina Veterinária da USP tem duração de 5 anos e é em regime integral.

As aulas ocorrem nos campi das cidades de São Paulo e de Pirassununga. Nos 3 primeiros semestres, as disciplinas básicas são cursadas nos vários Institutos da USP na capital. A partir do 4° semestre, os alunos se mudam para alojamentos gratuitos em Pirassununga para aprender as disciplinas de Zootecnia de Animais Domésticos e demais matérias. No 10° semestre, os estudantes fazem estágio supervisionado.

Medicina Veterinária: nota de corte

A nota de corte é a pontuação mínima para que um novo aluno ingresse na graduação. É como uma referência para filtrar os candidatos que estão mais preparados para estudar determinado curso por meio dos programas do Governo, como o Fies, o Prouni e o Sisu.

Para estudar Medicina Veterinária por meio desses programas é cada vez mais concorrido. A nota de corte tem aumentado nos últimos anos por conta da grande procura dos candidatos nessa área. A pontuação mínima média entre as maiores instituições do país é de 718.22.

cachorro medicina veterinária

Mercado de trabalho

O mercado de trabalho para o médico veterinário no Brasil oferece muitas oportunidades. Isso porque o país é um dos maiores consumidores do mercado pet do mundo. Entre clínicas e petshops, há muitas vagas de emprego esperando por profissionais capacitados. Mas não é só isso.

Para quem gosta de animais de grande porte, como cavalos e vacas, também há muito espaço. O setor de pecuária no país é muito aquecido, sendo responsável por grande parte do PIB (Produto Interno Bruto), inclusive de exportações. Dessa maneira, dá para trabalhar em grandes fazendas.

Laboratórios de medicamentos e produtos para animais também contratam veterinários, assim como a vigilância sanitária, que precisa dos profissionais para inspecionar fábricas, mercados e outros estabelecimentos que produzem e comercializam produtos de origem animal.

Medicina Veterinária: salário 

Como qualquer outra profissão, o salário do médico veterinário varia conforme a região, o porte da empresa e a experiência. Um recém-formado ganha, em média, 2 mil reais em seu primeiro emprego formal. Em grandes indústrias, há uma regra conforme o número de horas trabalhadas no dia.

Em média, a quantidade de horas de trabalho diárias reflete os ganhos mensais. Se a carga horária é de 6 horas por dia, o profissional recebe 6 salários mínimos, se trabalha 8 horas diárias, o pagamento é de 8 salários mínimos.

Medicina Veterinária é aquele curso que a maioria das crianças deseja fazer quando crescer. Afinal, o amor aos bichos é algo que os pequenos e os veterinários têm em comum. Cuidar, tratar e prevenir doenças em animais são algumas das atribuições desse profissional tão importante.

Ainda não sabe se é a Medicina Veterinária a sua profissão? Veja nosso guia completo sobre teste vocacional, que pode te ajudar na escolha de seu curso!

Campanha Always On Cronograma
Você pode gostar também