Você é do time de pessoas que acha que plantas sempre vão bem na maioria dos ambientes? Não pode ver um espaço vazio e sem utilidade em um quintal que já pensa como daria um lindo jardim? Saiba que o Paisagismo pode ser a sua profissão!

Muito mais que criar belos cenários com vegetações, essa área de atuação é responsável pelo bem-estar por meio do seu trabalho. Se você ainda não sabe muito bem como é a carreira e o que fazer para se tornar um paisagista, continue a leitura.

Neste post, trazemos tudo o que você precisa entender sobre o assunto e colocar — ou não — o Paisagismo na sua listinha de possíveis carreiras. Vamos lá?

O que é Paisagismo?

Com o crescimento das cidades, as áreas verdes ficam mais reduzidas. O visual cinzento dos centros urbanos não é tão interessante assim, não é mesmo? É aí que entra o Paisagismo. Ele não é bem como as pessoas pensam: que serve apenas para fazer praças e jardins. Entenda que há toda uma ciência por trás disso.

Com técnicas apuradas, o Paisagismo cria áreas que possam reduzir os impactos causados pelas construções desordenadas. Afinal, poder ficar em meio ao verde e à natureza traz sensações de conforto e bem-estar. Sendo assim, o principal objetivo do Paisagismo é harmonizar a interação das pessoas com o meio ambiente.

Por isso, ele se faz necessário e está cada vez mais presente em diversos lugares, não somente os públicos e externos, mas nos privados e internos. Ultimamente, muitas empresas investem no paisagismo em seus ambientes para amenizar o estresse dos funcionários, por exemplo.

O que faz o paisagista?

paisagismo curso

O paisagista tem uma missão muito importante: a de recompor os lugares afetados pelas construções usando vegetação, iluminação e cores de acordo com a ecologia, clima e estilo arquitetônico do lugar. Com seu conhecimento em flores, folhagens e propriedades do solo, ele determina quais plantas serão usadas, sempre priorizando a preservação da natureza.

Seu trabalho está diretamente ligado a diversos campos do saber, como Agronomia, Belas Artes, Arquitetura e Desenho Geométrico. Dessa maneira, o profissional cria jardins externos, caminhos, pavimentação, áreas de lazer, jardins de inverno e qualquer ambiente que necessite dessa harmonização criativa entre natureza e seres humanos.

Ultimamente, ele vem sendo cada vez mais requisitado, já que a maioria das pessoas se deu conta da importância do paisagismo na qualidade de vida.

Curso de Paisagismo

O perfil do aluno de Paisagismo inclui o gosto pela terra e plantas, além de se dar bem em cálculos. Isso porque não basta apenas orientar a plantação de modo aleatório. Existe muito estudo e contas a fazer para que um ambiente fique perfeitamente bonito e, sobretudo, funcional.

Se você gostou da ideia de ser paisagista, confira como se tornar esse profissional.

Pós-graduação

Embora o Paisagismo seja cada vez mais necessário, ainda não há uma graduação específica. Por isso, se você pretende fazer o ensino superior e atuar na área, é preciso se formar em um curso que tenha a ver e, depois, estudar uma pós-graduação em Paisagismo.

Entre os cursos que estão correlacionados ao paisagismo, estão:

A partir daí, você pode se especializar para ser um paisagista. Existem diversos cursos de especialização, cada um focado em mais um nicho, como paisagismo de interiores, arquitetura de paisagem, paisagismo em espaços públicos e privados, entre outros.

Eligis - teste vocacional e profissional

Técnico

Se você adorou a ideia de trabalhar com Paisagismo e já quer ir para o mercado de trabalho, o curso técnico em Paisagismo pode ser uma ótima opção! Ele precisa ter um carga horária total mínima de 800 horas, o que pode dar por volta de 3 semestres, dependendo do número de horas semanais. Durante o curso, o aluno estuda matérias de:

  • criação e manutenção de jardins;
  • cultivo de plantas ornamentais;
  • manejo de solo, irrigação e equipamentos;
  • meio ambiente;
  • técnicas de empreendedorismo;
  • botânica;
  • desenho arquitetônico;
  • legislação;
  • história;
  • projetos.

Cursos livres

Existem ainda muitos cursos livres de Paisagismo; a maioria é feita poreducação a distância, o que facilita o acesso. Caso você tenha interesse em ser um paisagista, mas ainda não tem certeza, é interessante fazer alguns desses cursos. Assim, você pode ter uma ideia de como é a profissão e fazer uma escolha com mais convicção.

Curso de Jardinagem e Paisagismo

Entre os cursos livres disponíveis na área, você pode encontrar alguns com o nome de “jardinagem e paisagismo” ou “paisagismo e jardinagem”. Eles também têm o objetivo de apresentar o Paisagismo para o aluno. Alguns deles são para pessoas que estão cursando ou já se formaram no ensino superior, outros não exigem formação mínima.

Curso de paisagismo online

Não tem tempo para estudar Paisagismo de forma presencial? Não tem problema! Você pode optar pelos cursos de Paisagismo online. O ensino a distância é uma ótima maneira de se qualificar, sem precisar se deslocar até a escola. Além disso, esses cursos costumam ter valores mais acessíveis do que os presenciais.

Onde estudar?

Como dissemos, para ser um paisagista com curso superior, é necessário fazer uma faculdade em área relacionada e, posteriormente, uma especialização. A seguir, confira algumas instituições que oferecem cursos de graduação e pós-graduação ligados ao Paisagismo.

Graduação

  • Centro Educacional Anhanguera — ANHANGUERA;
  • Faculdade Pitágoras — PITÁGORAS;
  • Universidade Cidade de São Paulo — UNICID;
  • Universidade Cruzeiro do Sul — UNICSUL;
  • Universidade de Franca — UNIFRAN;
  • Universidade Estácio de Sá — UNESA;
  • Universidade Norte do Paraná — UNOPAR;
  • Universidade Estácio de Sá — UNESA.

Pós-graduação

  • Centro Universitário Belas Artes — Belas Artes;
  • Faculdade de Ciências Humanas de Pernambuco — FCHPE;
  • Instituto Brasileiro de Educação Continuada — INBEC;
  • Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul — PUCRS;
  • Universidade Federal de Lavras — UFLA.

Mercado de trabalho

Entre os diversos lugares que oferecem vagas para os paisagistas, estão os escritórios de arquitetura, de design ou, até mesmo, de paisagismo. O profissional também encontra oportunidades em construtoras, órgãos públicos, imobiliárias e empresas de jardinagens e plantas ornamentais.

O paisagista pode trabalhar tanto com contrato CLT quanto como prestador de serviço. Por isso, os ganhos podem variar bastante, já que o profissional pode cobrar valores de acordo com a região, experiência e poder aquisitivo do público-alvo.

Como você pôde ver, o paisagismo se torna cada vez mais importante na qualidade de vida das pessoas à medida que a urbanização cresce. Para você seguir carreira na área, pode optar pelo curso técnico ou fazer uma graduação em um curso que tenha a ver e, posteriormente, cursar uma pós-graduação.

Já sabe qual profissão escolher ou ainda tem bastantes dúvidas? Que tal aproveitar que está por aqui e entender o que é o teste vocacional e como ele pode ajudar nessa escolha?

Campanha Always On Cronograma
Você pode gostar também