Certamente você tem contato com muitas pessoas e consegue perceber como elas são diferentes — e não apenas na aparência física. Cada indivíduo apresenta tipos de personalidade únicos, afinal, existem diferenças entre eles que podem influenciar até mesmo na escolha da carreira.

Apesar de outros aspectos serem importantes nessa decisão, não podemos negar que as características pessoais são muito relevantes no momento de definir uma profissão para seguir e um curso para escolher.

Pensando nisso, preparamos este artigo com os tipos de personalidade da psicanálise para você identificar o seu e saber qual carreira mais combina com você. Boa leitura!

Teoria dos tipos de personalidade

Essa teoria parte da pesquisa sobre Oito Tipos Psicológicos deCarl G. Jung, que foi melhor desenvolvida por Katharine Cook Briggs e Isabel Briggs Myers. Elas definiram 16 tipos de personalidade.

Esse estudo é uma das teorias de personalidades mais divulgadas ao redor do mundo para dividir pessoas em tipos psicológicos. O conceito é muito usado, por exemplo, por empresas que procuram perfis diferentes de candidatos.

Classificação dos tipos de personalidade

O Indicador Myers Briggs dos Tipos de Personalidade utiliza a combinação de quatro critérios para definir os perfis psicológicos das pessoas. Os critérios são opostos e excludentes, o que significa que indivíduos extrovertidos não podem ser introvertidos, por exemplo.

A combinação desses critérios define o tipo de personalidade. As preferências de cada pessoa são estabelecidas de acordo com os seguintes eixos:

  1. Introversão (I) e Extroversão (E): é determinada de acordo com a sua fonte de energia, se vem do mundo interior ou exterior;
  2. Sensação (S) e Intuição (N): é a forma como você prioriza a síntese de informações, sempre existindo uma função dominante e outra auxiliar;
  3. Racionalidade (T) e Emoção (F): é o modo como você trata as informações a que têm acesso;
  4. Juízo (J) e Percepção (P): tem a ver com a nossa função principal e determina o seu modo de ação.

Tipos de personalidades

De acordo com o indicador, existem 16 tipos de personalidade. Conheça cada um deles e as melhores carreiras para seguir.

Lógico (INTP)

Esse grupo costuma ser estratégico, independente e reservado. São pessoas que gostam de dominar conhecimentos, competências e conceitos que valorizam a lógica e a consistência. Alguns exemplos de carreira são:Engenharia, Desenvolvimento de Sistemas e Ciências da Computação.

Eligis - teste vocacional e profissional

Inovador (ENTP)

Quem se encaixa nesse tipo se destaca por ser adaptável, analítico e criativo. Sua maior motivação é inovar, pois são persistentes e gostam de criar e recriar processos. Algumas opções de carreira são: Design, Administração e Arquitetura.

Comandante (ENTJ)

Críticas, lógicas e curiosas, pessoas com esse perfil adoram liderar. Por serem sociáveis e confiantes, conseguem apresentar bem suas ideias. Além disso, valorizam a lógica, costumam ser estrategistas e gostam de jogar com diferentes cenários. Exemplos de carreira: Direito, Engenharia, Economia e Publicidade.

Arquiteto (INTJ)

Lógicos, autoconfiantes e independentes, esse grupo é um bom aplicador de modelos teóricos e construtor de sistemas complexos. Mais contidos e reservados, preferem trabalhar com grupos pequenos. Opções de carreira: Direito, Redação e Consultoria.

Animador (ESFP)

Essas pessoas se destacam pela simpatia e pela necessidade de agradar. São bem-humoradas, cooperativas, divertidas, sociáveis e tolerantes. Dons artísticos e habilidade para os relacionamentos são características importantes. Exemplos de carreira: Relações Públicas, Artes e Vendas.

Aventureiro (ISFP)

É um grupo mais sensível, perfeccionista e modesto. São pessoas com inteligência cinestésica apurada e que se motivam por expressões não verbais. Alguns exemplos de carreira são: Artes Plásticas, Música, Teatro e Gastronomia.

aventureiro

Virtuoso (ISTP)

Quem se encaixa nesse perfil costuma ser impulsivo, prático e adaptável. São indivíduos com comportamento desbravador e que gostam de superar limites. Como outros grupos introvertidos, são discretos e preferem trabalhar com equipes menores. Exemplos de carreiras: Educação Física, Artes e Pilotagem.

Empreendedor (ESTP)

São competitivos, negociadores e autoconfiantes. Por isso, enxergam boas oportunidades com facilidade. Capazes de alcançar seus objetivos e aproveitar recursos de forma criativa, costumam se dar bem quando precisam negociar produtos, ideias e serviços. Opções de carreira: Administração, Relações Públicas e Empreendedorismo.

Ativista (ENFP)

Diplomáticos por excelência, são pessoas que se diferenciam pela necessidade de motivar e agregar o grupo com o objetivo do bem maior. Sociáveis e entusiasmados, são profissionais capazes de enxergar o talento dos outros. Exemplos: Direito, Política e Diplomacia.

Mediador (INFP)

Empatia é a marca desse grupo. São sensíveis, discretos e compreensivos, capazes de notar facilmente as necessidades do outro. Opções de carreira: Jornalismo e Direito.

Protagonista (ENFJ)

Prestativos, entusiasmados, envolventes e idealistas, essas pessoas são especialistas em desenvolvimento pessoal. São capazes de identificar talentos alheios e trabalhar para potencializá-los. Exemplos de carreira: Professor, Mentoria, Educação Física e Coaching.

Conselheiro (INFJ)

Esse grupo se destaca por ser reservado, idealista e profundo. Como conquistam facilmente a confiança e simpatia das pessoas, conseguem motivar equipes para atingir o seu melhor desempenho. Opções de carreira: Psicologia, Assessoria de Imprensa, Educação e Coaching.

Executivo (ESTJ)

Pessoas desse grupo são objetivas, decididas e eficientes. São motivadas pelas responsabilidades que recebem, valorizando estabilidade e segurança. Gostam de assumir obrigações e liderar grupos. Exemplos de carreira: Administração, Contabilidade, Finanças, Vendas e Gestão Pública.

Inspetores (ISTJ)

Em geral, são sistemáticos, organizados, práticos e realistas. São pessoas fiéis e que gostam de pertencer a grupos ou empresas. Reservados e conservadores, buscam a manutenção da tradição e valores da equipe na qual trabalham. Exemplos de carreira: Administração, Auditoria, Finanças, Saúde e Gestão de Projetos.

Defensor (ISFJ)

Detalhistas, pacientes e humildes, essas pessoas se destacam pelo prazer em servir ao próximo. Se preocupam com o bem-estar de todos e buscam a melhoria do ambiente para o bem comum. Algumas opções de carreira são: Assistência Social, Saúde e Gestão Ambiental.

Provedor (ESFJ)

Indivíduos desse grupo costumam ser cooperativos, sociáveis e afetivos. Suas decisões colocam as pessoas em primeiro lugar. Ficam motivados quando conseguem estabelecer e manter bons relacionamentos. Exemplos de carreira: Consultoria, Relações Públicas e Assessoria.

Identificar os tipos de personalidades das pessoas é importante para o autoconhecimento, para encontrar qual curso é mais indicado para ela e para compreender melhor as relações interpessoais. No entanto, essa definição trata-se apenas de um indicador, pois estamos passíveis a mudanças durante toda a vida.

Agora que você sabe mais sobre o assunto, que tal complementar a leitura para entender o que é um teste vocacional? Com ele você pode descobrir qual curso combina mais com seu perfil e sua personalidade!

Você pode gostar também