Você sabe o que faz e quanto ganha um agrônomo? Não se preocupe, pois você já vai descobrir isso! Também chamado de engenheiro agrônomo, o profissional é responsável pelo planejamento, orientação e realização dos trabalhos relacionados à agropecuária e aos processos do campo.

A área é muito importante para o Brasil e tem se tornado cada vez mais tecnológica. Por isso, o agronegócio precisa de profissionais atualizados e capacitados para obter os melhores resultados.

Pensando nisso, preparamos este artigo para você saber mais sobre a carreira dos profissionais formados em Agronomia e entender, definitivamente, quanto ganha um agrônomo. Boa leitura!

O que faz um agrônomo?

O agrônomo é responsável pela elaboração e realização de projetos em empresas do setor agropecuário. No trabalho, ele busca soluções para garantir a qualidade dos alimentos produzidos, a adubação e irrigação das plantações, a preservação e recuperação do solo e o combate a pragas que atacam a lavoura.

Mais do que cultivar bons vegetais, é necessário gerá-los em maior quantidade, garantindo alimentos para toda a população. Questões como a segurança alimentar, a redução da produção de dejetos e a sustentabilidade são outras preocupações importantes desses profissionais.

Se não quiser ou não gostar de trabalhar no campo, você pode realizar suas funções em escritórios e atuar com atividades de planejamento, implementação de melhorias e acompanhamento de resultados.

Já o profissional que prefere uma posição de autonomia e alta responsabilidade pode se tornar líder de equipes ou empreender. Independentemente do caminho que você seguir, será necessário lidar com cálculos, fórmulas e estatísticas.

Quanto ganha um agrônomo?

Antes de responder quanto um agrônomo ganha, é importante saber que, para atuar na área, o profissional deve se graduar em Agronomia ouEngenharia Agrícola em uma instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).

Também é necessário fazer o registro no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA) do seu estado.

O salário do profissional varia de acordo com a jornada de trabalho e o nível de experiência. O grau de capacitação também ajuda a aumentar a remuneração.

Quanto ganha um agrônomo iniciante?

No início da carreira, o agrônomo ganha, em média,R$ 7.200,94. Em geral, esse nível de experiência dura até 4 anos, e a remuneração pode variar de acordo com o porte da empresa. Em empresas pequenas, o salário médio é de R$ 4.911,58.

Eligis - teste vocacional e profissional

Quanto ganha um agrônomo no Brasil?

Um agrônomo recebe, em média, R$ 7.537,73 para uma jornada de trabalho de 42 horas semanais no Brasil. Oteto salarial para a profissão é de R$ 19.115,29. Nada mau, não é mesmo?

Quanto ganha um agrônomo nos EUA?

Nos Estados Unidos, a remuneração é medida pelo montante anual. Assim, o salário médio anual no país para o agrônomo é deU$ 51.561,00, o que dá U$ 4.296,75 por mês. Esse valor equivale a R$ 22.514,97, considerando a cotação do primeiro semestre de 2020.

Onde estudar Agronomia?

A faculdade de Agronomia é oferecida na modalidadebacharelado e tem duração média de 5 anos, formando profissionais capazes de atuar com pecuária e produção agrícola, no gerenciamento de agroindústrias, no manejo de recursos naturais e muito mais.

Existem diversas opções de instituições reconhecidas pelo MEC. Entre elas, estão:

  • Universidade Federal de Viçosa (UFV);
  • Universidade de São Paulo (USP);
  • Universidade Federal de Lavras (UFLA);
  • Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP);
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS);
  • Universidade Federal de Santa Maria (UFSM);
  • Universidade Federal de Pelotas (UFPEL);
  • Universidade Estadual de Maringá (UEM);
  • Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR);
  • Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Como é a carreira do agrônomo?

Existem muitas possibilidades de atuação para o agrônomo, e elas vão além do campo. Novas oportunidades surgem no mercado, o que inclui o trabalho em segmentos como inteligência de mercado,gestão ambiental e análise de riscos.

Conheça algumas áreas que compõem a carreira do agrônomo.

Defesa sanitária

Quem atua com defesa sanitária faz o combate a pragas e busca a prevenção de doenças em rebanhos e lavouras.

Administração rural

Nessa área, o agrônomo faz a gestão de unidades de produção de propriedades rurais, incluindo o planejamento das compras e a gestão de recursos humanos e equipamentos.

Economia e administração agroindustrial

Nesse ramo, você poderá planejar e administrar as operações de distribuição e venda de produtos agrícolas.

Indústria e venda de alimentos

Uma opção para quem atua em indústrias e vendas de alimentos é supervisionar as estratégias de produção e avaliar os preços de alimentos de origem animal e vegetal.

trigo quanto ganha um agrônomo

Manejo ambiental

Aqui, o profissional trabalha com a exploração de recursos naturais, mas sempre com o objetivo de manter a preservação ambiental. A área inclui atividades como elaboração de relatórios de impacto ambiental, coordenação de projetos de reflorestamento e recuperação de terras degradadas.

Fitotecnia

Nesse setor, o agrônomo acompanha o cultivo e a colheita de safras, visando a maior produtividade por meio do combate a pragas, da seleção de sementes e do uso de adubos.

Ensino

Outra boa opção de carreira é lecionar em instituições de educação profissionalizante ou em faculdades, o que exige uma pós-graduação, como mestrado e doutorado.

Produção agroindustrial

Nessa área, é possível fazer a gestão da parte industrial de produtos agrícolas, assim como pesquisar novos produtos e novas tecnologias para o setor.

Melhoramento animal e vegetal

O agrônomo também pode trabalhar com pesquisas com o objetivo de desenvolver técnicas que se destinem à melhoria da produção animal e vegetal.

Silvicultura

A silvicultura cuida do plantio e manejo de áreas dedicadas ao reflorestamento, com o objetivo de recuperar matas devastadas.

Agora que você sabe quanto ganha um agrônomo, precisa entender que o mercado de trabalho nessa área está em expansão, especialmente porque o mundo precisa otimizar a produção de alimentos

Com isso, inovações tecnológicas surgem, e o profissional deve se capacitar para a pesquisa embiotecnologia, máquinas rurais, defensivos e extensão rural. Tudo isso sem deixar a sustentabilidade de lado!

Ainda está na dúvida sobre se essa é a carreira ideal para você? Então, não deixe de analisar a possibilidade de fazer um teste vocacional!

Campanha Always On Cronograma
Você pode gostar também