Se você está procurando os cursos técnicos em alta no mercado, chegou ao lugar certo! Para quem está pensando em definir uma profissão, o curso técnico é a chance de conhecer melhor a área antes de entrar na graduação.

Neste post, vamos mostrar como esse tipo de formação pode ser uma excelente oportunidade de se qualificar e conquistar uma vaga no mercado de trabalho. Além dos cursos técnicos, existem os tecnólogos, que são uma opção a ser considerada antes de você tomar uma decisão.

Continue a leitura deste post, saiba quais são os melhores cursos técnicos e tecnólogos e qual curso estará em alta em 2021 para você começar a estudar no segundo semestre!

Quais são os cursos técnicos em alta para 2021?

Conheça 13 cursos técnicos que são promissores para 2021.

1. Técnico em Administração

Esse é um curso para quem tem vontade de trabalhar em escritório, auxiliando os superiores e executando tarefas diversas na organização da empresa, ou até mesmo para aquelas pessoas que desejam abrir o próprio negócio.

O técnico em Administração pode atuar em diversas áreas, como logística, gestão de materiais e marketing.

De modo geral, a área de Gestão tem sido muito valorizada, e as instituições de ensino oferecem cursos em outros segmentos além da Administração, como:

  • Comércio Exterior;
  • Contabilidade;
  • Finanças;
  • Serviços de Condomínio;
  • Transações Imobiliárias;
  • Vendas.

2. Técnico em Enfermagem

A pandemia de Covid-19 intensificou a procura por profissionais na área da saúde. A demanda por auxiliares de Enfermagem cresceu 165% no ano passado, e esse cenário não deve se alterar.

Se você tem interesse em trabalhar em hospitais, clínicas, postos de saúde ou mesmo em fazer atendimentos domiciliares, conheça mais sobre essa formação, que tem duração mínima de um ano e meio.

3. Técnico em Informática

Entre os cursos técnicos em alta em 2021, estão os da área da Informática e Computação em geral. Empresas de todos os portes e segmentos fazem uso de equipamentos tecnológicos e têm seus dados arquivados na nuvem — ou seja, o que não faltam são vagas nesse setor.

Devido ao isolamento social decretado em função da pandemia, as pessoas passaram a trabalhar mais em casa, no sistema home office. Essa é uma tendência que veio para ficar, aumentando a procura por técnicos em Informática que atendem em domicílio.

Ainda nessa área, você pode optar por:

  • Manutenção e Suporte em Informática;
  • Programação de Jogos Digitais;
  • Redes de Computadores.

4. Técnico em Agenciamento de Viagens

O setor de hospitalidade e lazer sofreu uma queda brusca desde o início da pandemia, em março de 2020, mas a boa notícia é que o mercado está se preparando para receber turistas que ficaram em casa por um longo período e estão sedentos por uma viagem.

Agências de viagem, hotéis, pousadas e outras empresas do setor aquecem o mercado do turismo doméstico, isto é, dentro do país.

Além dos técnicos em Agenciamento de Viagens, outros profissionais terão ampla oferta de trabalho nesse setor, e podem se capacitar como técnicos em:

  • Cozinha;
  • Eventos;
  • Guia de Turismo;
  • Serviços de Restaurante e Bar.
cursos técnicos em alta para 2021

5. Técnico em Alimentos

O técnico em Alimentos é o profissional responsável por averiguar os processos produtivos, desde a escolha dos insumos até a embalagem mais segura para manter os produtos alimentícios em bom estado para o consumo.

Indústrias alimentícias são as que mais contratam pessoas com essa formação, mas também há vagas em laboratórios, supermercados, padarias, empresas de distribuição de alimentos e cozinhas industriais ou hospitalares.

Outro viés bastante procurado é relacionado à segurança alimentar, que abre espaço para que o formado trabalhe em órgãos de fiscalização sanitária.

6. Técnico em Panificação

Ainda na área da produção alimentícia, o curso Técnico em Panificação também forma profissionais aptos a atuar em padarias, supermercados, restaurantes, indústrias etc. Só que, nesse caso, o profissional vai lidar diretamente com a produção de alimentos como pães, bolos e biscoitos.

Outras profissões parecidas são técnico em Confeitaria, em Enologia (especialista em vinhos), em Apicultura (produção de mel), em Processamento de Pescado e em Cervejaria, por exemplo. Todas essas se mantêm em alta em 2021!

7. Técnico em Produção de Áudio e Vídeo

Esse é um curso voltado para quem curte filmagens: o profissional vai trabalhar com ambientação, captação de imagem e som, operação de equipamentos, entre outras tarefas relacionadas ao universo de filmes, propagandas e gravações/transmissões de eventos. As melhores vagas estão na TV, nas produtoras e nas agências de publicidade.

Existem outros cursos técnicos na área de Produção Cultural que sempre estão em alta. Veja:

  • Artes Visuais;
  • Composição e Arranjo;
  • Multimídia;
  • Processos Fotográficos;
  • Rádio e Televisão.

8. Técnico em Design de Interiores

Essa é mais uma profissão que se tornou mais conhecida na pandemia. Ficando mais em casa, as pessoas passaram a se preocupar não só com a decoração, mas também com a funcionalidade dos espaços que habitam.

O técnico em Design de Interiores pode trabalhar em empresas ou como autônomo, oferecendo projetos para residências, escritórios e lojas, por exemplo. Uma tendência no setor é a busca por unir baixo custo e sustentabilidade na escolha dos materiais.

9. Técnico em Vestuário

Ao optar por um curso técnico, você receberá uma formação muito específica. No caso da criação de joias, móveis, calçados e roupas, por exemplo, há um curso próprio para a concepção (criar modelos de produtos) e outro para a produção (produzir as peças).

O curso técnico em Vestuário se encaixa na segunda categoria, já o curso técnico de Produção de Moda, na primeira.

Ambos têm espaço no mercado, mas as pequenas e grandes indústrias no segmento da moda contratam muito mais mão de obra de produção do que de criação. Se você planeja criar a sua própria grife, aposte em Produção de Moda ou Modelagem do Vestuário.

10. Técnico em Petróleo e Gás

O setor de petróleo e gás natural sempre está em busca de mão de obra especializada. Os alunos costumam terminar o curso já empregados ou em estágio.

A principal função desse profissional é acompanhar a cadeia de extração, produção e refino desses elementos. Para isso, ele precisa conhecer as máquinas e os equipamentos, além de procedimentos específicos.

O trabalho acontece em refinarias, plataformas, concessionárias e distribuidoras de petróleo e gás, e o salário médio desse profissional chega aos R$ 6 mil.

11. Técnico em Mineração

Trabalhar em minas de ferro, manganês e titânio, por exemplo é uma opção para quem se forma como técnico em Mineração. Esse pode ser o primeiro passo para quem quer seguir carreira em Geologia ou em Engenharia de Minas.

Os salários são atrativos e os profissionais são muito valorizados pelo mercado, pois há escassez de mão de obra especializada.

12. Técnico em Controle de Tráfego Aéreo

Já pensou em seguir carreira militar começando por um curso técnico? Além do Controle de Tráfego Aéreo ser um início na área, com bom retorno financeiro, pode ser o primeiro passo para um curso de Engenharia Aeronáutica.

Esse profissional aprende a fazer o controle de aeronaves civis e militares em voo e em solo por radar, em constante comunicação com os pilotos.

Atenção: para fazer esse curso, é preciso ter sido aprovado na Marinha ou na Força Aérea, pois só esses órgãos têm o direito de oferecer essa formação.

13. Técnico em Segurança do Trabalho

Para fechar nossa lista dos 13 cursos técnicos em alta em 2021, temos uma área fundamental em toda e qualquer empresa, já que existe uma lei que exige o cuidado com a segurança para evitar acidentes de trabalho e garantir que os colaboradores possam trabalhar despreocupados.

Em hospitais, indústrias, escritórios ou em outros locais, a preocupação com a prevenção e a eliminação de riscos de acidentes é a principal função desse técnico.

Eligis - teste vocacional e profissional

Como escolher um curso técnico?

São muitas as áreas que oferecem cursos técnicos, por isso, é preciso buscar informações sobre a carreira e o dia a dia da profissão. Escolha, primeiramente, a área que você mais se identifica para, então, conhecer os cursos oferecidos.

Por exemplo: na área da saúde, compare Estética e Massoterapia ou Ótica e Prótese Dentária. Qual você acha que tem mais a ver com você?

Feito isso, pesquise sobre a remuneração básica e os locais onde há mais ofertas de vagas. Na hora de fazer a inscrição, pergunte se existe a possibilidade de fazer o curso técnico EAD, o que economiza tempo (de deslocamento até a instituição de ensino) e dinheiro (já que o investimento é bem mais em conta).

Antes, porém, de tomar sua decisão, pense se essa é a hora de fazer um curso técnico ou se você pode tentar obter um diploma de curso superior. Há vários tipos de curso de graduação, e talvez você nem saiba disso!

Os cursos tecnólogos são feitos na faculdade, com uma duração muito menor do que os tradicionais 4 ou 5 anos de curso. Geralmente, em 4 semestres você já consegue se formar (a mesma duração média do curso técnico) e entrar no mercado de trabalho ganhando mais e sendo mais valorizado.

A principal diferença entre técnico e tecnólogo, além do nível de formação, é o diploma obtido. O curso técnico é de nível médio, já o tecnólogo equivale ao da graduação. Pense nisso!

Onde estudar curso tecnólogo em 2021?

Instituições como o Centro Federal de Educação Tecnológica (Cefet) e o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IF) oferecem ambos os tipos de curso, mas em faculdades particulares e na modalidade EAD, eles também podem ser encontrados. Veja algumas opções:

Quais são os cursos tecnólogos em alta para 2021? Pode considerar as mesmas dicas que falamos acima. Em quase todos os casos, há a opção de garantir seu diploma de graduação e, o melhor, em EAD!

Você quer conquistar uma nova carreira em um dos cursos técnicos em alta 2021? Faça o nosso teste vocacional e descubra qual curso tem mais a ver com o seu perfil!

Campanha Always On Cronograma
Você pode gostar também