Cozinhar é um hobby para milhares de pessoas, assim como tantas outras gostam de apreciar uma boa comida. O que está por trás de tudo isso? A Gastronomia! Da preparação ao consumo, essa é uma arte que deve ser valorizada e a faculdade de Gastronomia é o curso ideal para formar chefs de cozinha.

Um dos pontos mais interessantes da área é não explorar somente a parte da culinária, mas outros assuntos complementares. Vamos descobrir como é a graduação e onde encontrar boas opções? Continue acompanhando a leitura!

Sobre o curso de Gastronomia

É verdade que muita gente tem verdadeira vocação para cozinhar e faz isso muito bem, mesmo sem ter qualquer formação na área. Entretanto, quem deseja seguir a carreira de Gastronomia deve sim buscar uma boa capacitação para expandir os seus conhecimentos e aumentar as oportunidades de trabalho.

Afinal, ter um diploma reconhecido no mercado faz a diferença, principalmente para conquistar cargos que apresentam esse tipo de exigência. Nesse caso, o estudante interessado em ser um gastrólogo pode seguir dois caminhos: fazer uma graduação completa ou um curso tecnológico.

A grande diferença entre as duas opções está no tempo de duração e na base curricular oferecida. O bacharelado dura em torno de 4 anos e prepara o aluno de forma mais ampla, já que abrange mais disciplinas durante os estudos.

Por sua vez, o tecnólogo é um curso mais rápido e focado na prática profissional. Em aproximadamente 18 ou 24 meses, os estudantes aprendem o essencial para trabalharem na área e serem contratados pelo setor gastronômico.

Para quem ainda tem dúvidas, é bom ressaltar que as formações tecnológicas também são consideradas como faculdades e garantem um diploma de ensino superior, assim como bacharelados ou licenciaturas. Portanto, não confunda com os cursos técnicos que não são de nível superior.

faculdade de gastronomia

Como é a faculdade de Gastronomia?

O interesse pela culinária nem sempre significa que a pessoa está disposta a fazer uma faculdade de Gastronomia, certo? Porém, vale dizer que esse é um curso muito interessante e que costuma encantar os estudantes.

Uma das razões para que isso aconteça é a combinação de teoria e prática. O embasamento teórico é muito importante para que os alunos não se sintam perdidos e tenham boas referências na construção da carreira, como ao estudar matérias como História da Gastronomia, Microbiologia dos Alimentos e Segurança Alimentar.

Já as aulas práticas são fundamentais para ajudar a desenvolver as habilidades necessárias para comandar uma cozinha, um evento ou uma empresa (no caso de um restaurante ou estabelecimento relacionado à Gastronomia).

Podemos dizer que essa costuma ser a parte mais “divertida” do curso, pois os estudantes experimentam diferentes culinárias e realmente colocam a mão na massa — ainda mais nas aulas de panificação e culinária italiana!

Os momentos de prática fazem parte do treinamento profissional, sendo extremamente importantes para os professores ensinarem as técnicas corretas e dicas que vão garantir os melhores resultados.

Quem está de fora pode achar que é fácil ser um chef ou até mesmo um ajudante em uma cozinha, mas a realidade é bem diferente disso. No fim das contas, a missão de quem trabalha com Gastronomia é quase sempre impressionar e cativar as pessoas, não é mesmo? Isso inclui muitos detalhes que vão além de uma boa comida.

Melhores faculdades de Gastronomia

Apesar de ser um curso muito reconhecido e valorizado, a Gastronomia ainda não tem uma oferta tão grande quanto outras graduações. Isso acaba restringindo um pouco o acesso dos alunos na modalidade presencial, mas também é possível optar pelo curso EAD.

A Faculdade Anhanguera é uma das instituições que aposta no formato semipresencial para tentar facilitar a rotina de estudos, oferecendo a formação tecnológica. Assim, alguns encontros presenciais são marcados ao longo do semestre e o restante do conteúdo pode ser acessado pela plataforma virtual.

Pensando nos principais centros universitários do país, aqui vão algumas sugestões de faculdades para estudar!

Faculdade de Gastronomia em São Paulo

A cidade de São Paulo é um dos maiores centros gastronômicos do país e até da América do Sul. Isso pode ser considerado um grande atrativo para os profissionais que querem investir na Gastronomia, inclusive visando o amplo mercado de trabalho.

As opções de faculdades também são variadas em todo o estado paulista. Além da Anhanguera, que já citamos, você vai encontrar o curso no Senac SP, Anhembi Morumbi, UniCesumar, UNICSUL, entre outras.

Faculdade de Gastronomia no Rio de Janeiro

Quem vive em terras cariocas ou está procurando faculdades de Gastronomia no Rio de Janeiro, deve saber que a Universidade Federal (UFRJ) tem uma formação bastante reconhecida na área — e gratuita para os aprovados no vestibular. Dentro das opções particulares, um dos destaques é a Estácio.

Quanto custa uma faculdade de Gastronomia?

Existem faculdades públicas de Gastronomia, embora a grande maioria dos cursos seja particular. Ou seja, as chances de conseguir sua vaga em uma instituição privada são maiores.

Os custos envolvidos nessa escolha podem variar muito. Em primeiro lugar, lembre-se que existe a diferença de duração entre o bacharelado e tecnólogo, o que certamente influencia no gasto total com a formação.

Outro ponto importante é que cada faculdade cobra um valor de mensalidade, e isso normalmente está relacionado com as despesas que a própria instituição tem para manter a sua infraestrutura. Em geral, os preços variam de R$ 600,00 a R$ 3.000,00 mensais.

Se a questão financeira for o problema, vale a pena buscar por bolsas de estudos e outras soluções como financiar o curso. Afinal, o que mais importa é não desistir do seu sonho e seguir a carreira tão desejada.

Você já sabe como funciona a faculdade de Gastronomia e conhece algumas opções de onde estudar, agora só falta tomar a sua decisão. E, claro, se dedicar muito na sua preparação para passar no vestibular e garantir uma vaga!

Gostou das nossas indicações de faculdade de Gastronomia para estudar? Se você quer ter um bom diploma no seu currículo, aproveite para saber mais sobre as melhores faculdades do país. Aqui, na Orientu, você acompanha todas as dicas!

Você pode gostar também