Pixabay

Para deixar os trabalhos escolares protegidos é preciso proteger o computador e não acessar sites suspeitos. 

Um trabalho escolar pode garantir que consiga passar de ano e assim se formar. Por isso, os alunos acabam dedicando tempo para fazer o melhor que conseguem, afinal, quem não gosta de tirar um 10 e passar sem ir para a recuperação?

O problema é que nem sempre se consegue garantir que os trabalhos escolares protegidos fiquem íntegros. Uma invasão ao computador pode fazer com que perca o arquivo e uma “desculpa” dessas não vai funcionar com a professora. 

Veja o que pode ser feito para garantir que os trabalhos escolares protegidos cheguem na data certa até às mãos dos professores.

1. Coloque senha na pasta

Se divide o computador com outras pessoas, principalmente irmãos mais novos, eles podem mexer no trabalho sem querer. 

O ideal nesse caso é colocar uma senha na pasta que está salvando o trabalho enquanto faz e depois que ele estiver pronto. Ao fazer isso só conseguirá acessar o arquivo depois que a senha for inserida, assim não existe o risco de mexerem nele. 

Uma opção mais avançada é ocultar a pasta, nesse caso para chegar até ela será preciso saber que existe. 

2. Tenha cuidado com as senhas

Para cada site que acesse precisa colocar uma senha. É e-mail, Facebook, Tik Tok, site da escola e muitos outros que solicitam uma senha de acesso.

O problema de colocar a mesma senha para tudo é que se algum tiver falhas, a sua senha será descoberta. Nesse caso, o hacker conseguirá acessar facilmente os outros sites que usa e fazer o que quiser. 

Por exemplo, se o Facebook for violado e a senha for a mesma do e-mail, pode ser que não consiga enviar o seu trabalho e acabe perdendo o prazo.

3. Cuidado com os sites durante sua pesquisa

Enquanto está pesquisando as informações para colocar no seu trabalho, você acaba se deparando com diversos sites. Alguns deles podem ser maliciosos, por isso, tenha atenção no que clica.

Prefira pesquisar em sites já conhecidos e que saiba que as informações são verdadeiras. Se acessar alguma página que pede dados pessoais sem que haja necessidade, não os informe, pode ser uma maneira de obter suas informações para uso indevido.

4. Tenha um bom antivírus

O antivírus consegue detectar ameaças que estão no seu computador e consegue bloqueá-las e eliminá-las. 

Mesmo que tome todos os cuidados, sempre há o risco de um vírus se infiltrar. É indicado que baixe o software antivírus recomendado e confiável, pois ele deve ter recursos suficientes para garantir a proteção do seu computador. Muitos deles possuem versões gratuitas, entretanto, se quer ter proteções mais completas, pode ser interessante investir nas versões pagas.

5. Deixe o firewall ativo

O firewall funciona em conjunto com o antivírus. Ele forma uma parede de bloqueio para que arquivos duvidosos ou maliciosos cheguem até o computador. 

Ele sempre deve estar ativo na máquina, pois funciona como uma proteção extra. No caso dele falhar, ainda poderá contar com o antivírus. 

6. Fique atento com os downloads

É comum baixar arquivos para estudar mais tarde ou fotos e imagens que ajudarão a ilustrar o trabalho. Eles são ótimos para ajudar a aumentar a nota, mas podem apresentar perigos.

Antes de fazer um download verifique se o antivírus e firewall estão ativos, pois, se houver algo mal intencionado eles serão capazes de identificá-los. Veja também a extensão do arquivo, no caso de ser um .exe significa que é um executável. Isso quer dizer que se trata de um programa.

Imagens e fotos normalmente são no formato JPG , PNG , GIF e BMP. Se atentar a esse ponto pode salvar o computador e o trabalho.

7. Gerencie os arquivos compartilhados

Em alguns casos é preciso fazer o trabalho em grupo ou colocar em uma plataforma como o OneDrive para que o professor tenha acesso. 

Se não quiser que seus colegas de turma copiem o que você fez ou tenha seu arquivo deletado, tenha cuidado. É preciso gerenciar quem poderá ter acesso às informações e o que cada pessoa pode fazer.

Por exemplo, no trabalho em grupo convide as pessoas por convite direto por e-mail em vez de enviar o link. Defina o que cada um poderá fazer, se terão direito a editar ou apenas visualizar. O mesmo deve servir para o professor.

Agora é só seguir esses passos para deixar os trabalhos escolares protegidos, mas para conseguir boas notas, será preciso mais dedicação. 

Você pode gostar também