Você está no último ano do ensino médio e com a cabeça lotada de dúvidas sobre qual profissão seguir? Acalme-se, pois essa é uma situação perfeitamente normal, já que nem todo mundo tem certeza do que fazer quando concluir a escola.

Por esse motivo, quanto mais informação você tiver sobre o ensino superior, melhor para tomar uma decisão mais consciente. Além de considerar suas aptidões e habilidades, também é importante saber se o curso escolhido vai lhe dar oportunidades de crescimento profissional. 

Pensando nisso, neste post, trazemos uma relação dos cursos superiores mais procurados do país, mostrando as áreas que mais empregam e oferecendo dicas de onde fazer sua faculdade. Venha conosco nesta leitura!

Quais são os cursos mais procurados?

Para saber quais foram os cursos superiores mais procurados dos últimos tempos, checamos o último Censo da Educação Superior, referente ao ano de 2019. Trata-se de uma pesquisa realizada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), órgão ligado ao Ministério da Educação (MEC).

Além de informações sobre o cenário da educação superior do país, a pesquisa aponta o número de matrículas nas instituições, quantas pessoas se formaram, número de vagas etc., além de um ranking dos cursos mais procurados do período estudado.

Então, fizemos uma lista exclusiva com os cursos com mais de 100 mil matrículas em 2019. Confira!

  • Direito (831.350);
  • Administração (645.777);
  • Pedagogia (815.959);
  • Ciências Contábeis (358.240);
  • Enfermagem (326.750);
  • Engenharia Civil (275.537);
  • Psicologia (270.239);
  • Educação Física (222.677);
  • Medicina (187.710);
  • Sistemas de Informação (184.845);
  • Gestão de Pessoas (178.259);
  • Fisioterapia (177.405);
  • Arquitetura e Urbanismo (147.931);
  • Nutrição (141.455);
  • Marketing e Propaganda (141.435);
  • Engenharia de Produção (141.362);
  • Odontologia (132.845);
  • Serviço Social (131.869);
  • Engenharia Mecânica (121.651).

Quais são os cursos tecnólogos mais procurados?

Você sabia que a graduação tecnológica — ou, simplesmente, curso tecnólogo — cresceu muito nos últimos tempos? Segundo o Censo da Educação Superior 2019, foram 1.223.851 matrículas, 11,5% a mais que no ano anterior.

Um dos motivos para isso é que muitos desses cursos são oferecidos nas modalidades de Educação a Distância (EAD) ― semipresencial ou totalmente online.

Além da flexibilidade de horário para estudar, geralmente, o valor da mensalidade nas faculdades a distância é mais barato que o de um curso presencial. Por isso, muitos estudantes estão procurando esse tipo de ensino.

Então, vamos lá. Veja quais são as graduações tecnológicas mais procuradas dos últimos tempos:

  • Sistemas de Informação (198.346);
  • Gestão de Pessoas (178.259);
  • Logística (91.930);
  • Gestão de Negócios (88.845);
  • Gestão Comercial (66.944);
  • Marketing (61.350);
  • Estética e Cosmética (58.266);
  • Gestão Pública (56.693);
  • Gestão Financeira (51.126);
  • Gastronomia (33.964);
  • Gestão da Tecnologia da Informação (32.604);
  • Gestão Ambiental (31.954);
  • Turismo (28.141).

Importante! Os números que mostramos nas listas acima correspondem às matrículas totais em instituições públicas e privadas do país todo, independentemente da modalidade de ensino.

Quais cursos superiores mais empregam?

No final de 2020, o Instituto Semesp, em parceria com a empresa Simplicity, realizou a 2ª Pesquisa de Empregabilidade, com o intuito de descobrir quais são as áreas que mais empregam.

Para isso, entrevistou 9.228 profissionais ― entre formandos e egressos de mais de 600 instituições públicas e privadas. Eles responderam voluntariamente a um questionário, que serviu de base para a pesquisa. 

Os dados levantaram que aproximadamente 65% dos entrevistados estavam trabalhando em sua área de atuação, incluindo funcionários efetivos e estagiários.

Além disso, as carreiras que estão entre as top 10 do ranking de cursos que mais empregam no mercado são nas áreas da Saúde e Tecnologia. Dê uma olhada na lista:

  • Medicina (100%);
  • Engenharia de Computação (97,4%);
  • Ciência da Computação (93,2%);
  • Enfermagem (92,5%);
  • Fisioterapia (91,3%);
  • Biomedicina (90,4%);
  • Sistemas de Informação (89,9%);
  • Geografia (88,3%);
  • Contabilidade (87,4%);
  • Economia (87%).

Como escolher um curso superior?

Agora que você já sabe quais são os cursos mais procurados, é hora de ter dicas de como escolher uma graduação. Anote aí!

Busque uma faculdade bem-conceituada no mercado

Sua faculdade precisa dar peso ao seu diploma; então, faça uma lista com as instituições mais tradicionais na área que você deseja. Observe como é sua reputação, se ela está envolvida em projetos de pesquisa, se os alunos e ex-alunos falam bem dela, qual é a formação do corpo docente etc.

Conheça a infraestrutura

A infraestrutura é essencial para que o projeto pedagógico dê certo. Então, confira as instalações do campus e que espaços estão disponíveis para os alunos, como laboratórios e bibliotecas. Também, cheque os equipamentos e tecnologias utilizados para o ensino. No caso de cursos a distância, conheça a plataforma de estudos adotada pela faculdade.

Veja qual é a nota na avaliação do MEC

O conceito do MEC diz muito sobre a faculdade e resulta de uma longa avaliação. As melhores instituições têm conceito 4, que é muito bom, e 5, excelente. Faculdades com conceito 3 estão na média. Abaixo disso, são instituições com problemas sérios.

Faça um teste vocacional

Antes de escolher onde uma faculdade, é preciso ter certeza de qual é o curso desejado, certo? Por isso, o teste vocacional é uma ótima ferramenta de autoconhecimento para ajudar estudantes indecisos sobre qual carreira seguir. Por meio de uma série de perguntas, você vai entender melhor sua personalidade, aptidões e habilidades profissionais.

Além disso, receberá sugestões de áreas nas quais poderá ter destaque e ser feliz!

Então, sugerimos que você faça o Teste Vocacional da Orientu! É gratuito e vai ser de muita ajuda para você.

livros empilhados em cima da mesa:  cursos superiores mais procurados

Onde estudar?

Para terminar, confira algumas das melhores instituições públicas e privadas do país!

Universidades públicas

Segundo o Ranking Universitário Folha, as 10 melhores instituições públicas são:

  • Universidade de São Paulo (USP);
  • Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP ― SP);
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ);
  • Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG);
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS);
  • Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP);
  • Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC);
  • Universidade Federal do Paraná (UFPR);
  • Universidade de Brasília (UNB — DF);
  • Universidade Federal de Pernambuco (UFPE);

Faculdades particulares

Agora, veja algumas faculdades com ótima avaliação do MEC.

  • Centro Universitário Anhanguera;
  • Universidade Norte do Paraná (UNOPAR);
  • Faculdade de Amapá (FAMA);
  • Faculdade Pitágoras;
  • Universidade de Cuiabá (UNIC);
  • Universidade para o Desenvolvimento do Estado e da Região do Pantanal (Anhanguera-Uniderp);
  • União Metropolitana de Educação e Cultura (UNIME).

Gostou de conhecer quais são os cursos superiores mais procurados do Brasil? Como informação nunca é demais, também vai ajudar muito em sua escolha entender um pouco mais sobre como é o funcionamento das diferentes graduações.

Então, não vá embora ser dar uma olhada neste outro artigo bem bacana sobre quais são tipos de cursos superiores e a formação que cada um oferece! Tenha uma excelente leitura!

Você pode gostar também