Se você adora olhar plantas de casas, analisar a decoração dos ambientes e observar as edificações, provavelmente já pensou em cursar Arquitetura. Você sabe o que faz um arquiteto? Esse profissional cada vez mais requisitado tem muitas atribuições na construção civil.

Se a ideia é seguir a carreira, nada mais certo do que conhecer mais sobre a profissão antes de se decidir. Continue a leitura deste post, que conta mais sobre o assunto!

O que faz um arquiteto?

O arquiteto tem diversas funções dentro de um projeto, desde o planejamento até a execução. Ao elaborar uma planta de uma construção, por exemplo, ele deve pensar no ambiente em que a obra será feita, como ela se relaciona com a natureza, o que deverá ser feito para que tenha uma boa climatização e iluminação etc.

Além disso, o profissional não pode esquecer da sustentabilidade, do conforto aos usuários da edificação e, obviamente, da estética. O arquiteto também pode atuar na melhoria de construções já feitas — ou seja, nas reformas —, tanto para o embelezamento quanto para adaptações.

Podemos dizer que o arquiteto não apenas ajuda a construir edificações, mas também cria verdadeiras obras de arte. Alguns são muito reconhecidos por assinar verdadeiros monumentos. Um grande exemplo brasileiro é Oscar Niemeyer, responsável pelos projetos do Palácio da Alvorada, do Edifício Copan e muitos outros conhecidos nacional e internacionalmente.

mulher desenhando no teclado do computador: o que faz um arquiteto

Quais são as áreas de atuação do arquiteto?

Como dissemos, o arquiteto tem várias áreas de atuação, por isso, é comum que se especialize em determinadas áreas. A seguir, confira quais são elas!

Arquiteto de edificações

Esse arquiteto atua em todas as etapas da construção civil. Sendo assim, ele é responsável pela ligação entre a engenharia e a mão de obra. No escritório, ele faz desenhos técnicos, cronogramas e maquetes, ou pode trabalhar na parte administrativa, negociando orçamentos e gerenciando toda a obra. Ultimamente, é um dos nichos mais requisitados.

Arquiteto urbanista

O arquiteto urbanista idealiza, projeta e gerencia edificações. Ele pensa em toda a parte prática do projeto, em como ficarão as disposições dos móveis e objetos, como será a ventilação, a incidência de luz e a climatização. Esse profissional deve fazer isso considerando o orçamento, a personalidade e os desejos dos clientes, além do impacto ambiental que a obra causará.

Urbanista

Os profissionais urbanistas são aqueles que fazem o planejamento urbano e o saneamento. Com o crescimento desordenado das cidades, eles são cada vez mais importantes e requisitados para solucionar os problemas causados, como a falta de mobilidade física. Além disso, esse arquiteto é procurado para os projetos de ampliação das cidades, construção de praças, rotatórias, viadutos etc.

Arquiteto de interiores

O arquiteto de interiores é mais direcionado à decoração do imóvel. Ele considera todo o ambiente e o gosto dos clientes, assim como o orçamento disponível e as possibilidades. Além disso, é responsável pela parte prática, como a contratação e supervisão dos prestadores de serviço, como eletricistas e marceneiros.

Esse profissional atua junto a outros arquitetos e engenheiros da construção desde a concepção do projeto, para que tudo saia nos conformes.

Arquiteto de patrimônio

O arquiteto de patrimônio cuida dos patrimônios físicos, fazendo restaurações para que se mantenham em boas condições. É cada vez mais comum termos esses imóveis que precisam ser restaurados para não acabarem destruídos, então, é uma área muito procurada.

Arquiteto paisagista

Embora a maioria das pessoas pense que o paisagista serve apenas para cuidar de jardins, saiba que ele também é responsável pela ambientação de uma casa com o meio ambiente. O profissional é responsável por elaborar soluções que melhorem a convivência das pessoas com a natureza. Sendo assim, fazem projetos de varandas, pavimentos, áreas verdes etc.

Como é o curso de Arquitetura?

Para ser um arquiteto, é preciso cursar Arquitetura e Urbanismo. O curso prepara o aluno para organizar, planejar e construir ambientes internos e externos considerando as necessidades das pessoas que usarão o espaço.

Se você se optou pelo curso, saiba que ele é bem popular no país, sendo um dos mais procurados pelos alunos e mais oferecidos pelas faculdades. As chances de você encontrar uma boa faculdade de Arquitetura e Urbanismo acessível são bem grandes.

Segundo o Ministério da Educação, o MEC, a graduação é na modalidade de bacharelado e deve ter carga horária mínima de 3600 horas. Com isso, o curso tem duração total de 5 anos (10 semestres) na maioria das faculdades, mas essa não é uma regra, pois pode acontecer de perdurar por mais 1 ou 2 períodos, dependendo da instituição.

Onde estudar Arquitetura?

Como dissemos, existem muitas faculdades para cursar Arquitetura tanto em instituições públicas quanto em privadas. É importante escolher uma boa faculdade para ter uma ótima formação e enriquecer o currículo. A seguir, confira algumas das mais conceituadas.

  • Universidade de São Paulo (USP);
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ);
  • Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS);
  • Universidade Presbiteriana Mackenzie (Mack-SP);
  • Universidade de Brasília (UNB);
  • Universidade Estadual de Campinas (Unicamp);
  • Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC);
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS);
  • Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG);
  • Universidade Federal da Bahia (UFBA);
  • Centro Universitário Belas Artes.
Eligis - teste vocacional e profissional

Como é o mercado de trabalho para o arquiteto urbanista?

O mercado de trabalho para o arquiteto é muito promissor no Brasil. Nos últimos anos, o país vem com ritmo acelerado no setor da construção civil. Mesmo em crise, o ramo imobiliário está de vento em popa. Isso se dá porque os juros para financiamento estão menores, fazendo com que as pessoas busquem essa modalidade para ter a casa própria ou construírem um negócio.

Além disso, o público está cada vez mais exigente. Se, antigamente, somente quem tinha muitos recursos financeiros contratava um arquiteto e o restante optava por confiar em pedreiros, hoje, a procura pelo profissional de arquitetura abrange mais classes sociais. Com isso, os profissionais têm grandes oportunidades para fazer uma carreira de sucesso e com ótima remuneração.

Agora que você já sabe o que faz um arquiteto, já pode usar as informações na hora de decidir qual faculdade cursar. Essa é uma profissão muito valorizada, com diversas oportunidades de trabalho e reconhecimento da carreira.

Você ainda não sabe qual carreira escolher? Um teste vocacional pode ajudar! Que tal aproveitar sua visita ao blog para entender mais sobre o assunto?

Campanha Always On Cronograma
Você pode gostar também