Seja nas áreas de exatas, humanas ou biológicas, existem vários tipos de profissões que podem ser exercidas no mercado de trabalho. No entanto, o termo profissional está ligado com pessoas que atingem determinados níveis de conhecimento. Essa evolução pode ser adquirida por meio de cursos e treinamentos com enfoque nas competências.

Para você entender quais são esses tipos e como eles se enquadram nas respectivas profissões, elaboramos este post com informações imperdíveis. Acompanhe!

Quais são os tipos de profissões?

Com a segmentação do mercado de trabalho, a especialização se tornou uma premissa, com várias opções de atuação que dizem respeito aos cursos existentes, tanto nas graduações quanto nos cursos técnicos.

Professor

Todos os profissionais, um dia, foram alunos de alguém. Com essa linha de raciocínio, ser professor é um verdadeiro sacerdócio, com imensa importância na sociedade. Afinal, ninguém chega a lugar algum sem um direcionamento.

São os professores que ensinam às crianças a ler e a escrever, a fazer as primeiras contas e, também, a praticar a educação. Esse é um dos tipos de profissõesque existem em todas as áreas do conhecimento humano.

Afinal, há professores no ensino infantil, fundamental e médio, na faculdade, na pós-graduação, nos cursos técnicos, no MBA, enfim, em todos os níveis de escolaridade.

Portanto, todas as vocações necessitam desse profissional para acontecerem. Professores têm uma responsabilidade imensa e fazem parte do processo de evolução da sociedade.

Eles atuam muito além da sala de aula, pois vivenciam vários problemas dos alunos, auxiliando na cidadania, na visão crítica, nos valores éticos e humanos.

Ao fazer mestrado ou doutorado, os professores podem ministrar aulas em todas as faculdades, ou seja, eles fazem parte de todas as profissões.

Há professores de História, Educação Física, Biologia, Química, Física, Matemática, Português etc.

Técnico

Os técnicos têm vários tipos de empregodisponíveis no mercado de trabalho em um processo de formação bem mais rápido em comparação a uma faculdade.

Geralmente, os cursos duram, em média, 18 meses e destinam conhecimentos específicos para determinadas áreas. Por exemplo, é possível atuar em um hospital como técnico de enfermagem, sem ter concluído o superior na área.

Dessa maneira, os cursos, geralmente, estão sintonizados com a atualização de habilidades mais técnicas, com foco justamente na empregabilidade.

Além disso, há graduação de tecnólogo com uma duração média de dois anos e meio. O objetivo é justamente aumentar o grau de qualificação, preenchendo demandas específicas no mercado.

Podemos citar Logística, Marketing, Informática, Segurança do Trabalho, Gastronomia, Edificações, Contabilidade, Beleza, Desenvolvimento de Sistema, Administração, Prótese etc.

Com o avanço da internet, é possível, também, fazer cursos técnicos na modalidade EAD, com vários tipos disponíveis em inúmeras instituições de ensino.

tipos de profissões

Especialista

Você pode tornar-se um especialista em todos os tipos de profissões, desde que tenha vasta experiência e cursos de extensão, incluindo a pós-graduação.

Um médico, por exemplo, pode ser especialista em inúmeras áreas, de acordo com a residência, indo desde pediatria até cardiologia, passando pela psiquiatria e ortopedia.

Um médico veterinário pode ser especialista em doenças infecciosas ou inseminação artificial, assim como um jornalista pode ser especialista em marketing digital.

Tudo dependerá dos cursos concluídos e do investimento de tempo e dedicação na área de preferência. Com a segmentação das profissões, quem é especialista consegue melhores oportunidades no mercado, principalmente com salários mais atrativos.

Inclusive, investir na especialização é um dos diferenciais das profissões do futuro, como direito digital, análise de dados, marketing, inteligência artificial, medicina, análise de sistemas, desenvolvedor de softwares/aplicativos, entre muitas outras.

Portanto, há especialistas em todas as profissões, desde que ocorra a busca por constantes qualificações.

Gestor

Responsáveis pelo planejamento e direção das empresas, os gestores estão sendo fundamentais na busca por melhores resultados.

Trata-se de uma profissão em alta, que necessita de conhecimentos profundos em administração, economia, análise de dados, gestão de pessoas, sempre com visão estratégica.

Os gestores podem atuar tanto em empresas privadas quanto no setor público, além de setores variados, como:

  • comercial;
  • logística;
  • linha industrial;
  • ambiental;
  • financeiro;
  • hospitalar;
  • turismo;
  • recursos humanos;
  • financeiro.

Consultor

O consultor está ligado a todas as profissões. Trata-se de uma pessoa que já esteve no mercado e tem experiência de sobra para ajudar nos processos internos de uma contratante.

Portanto, ele destina um suporte para atingir os objetivos e as metas previamente estabelecidos.

Dessa forma, o consultor presta serviços com foco em bons resultados, sendo contratado em profissões diferenciadas.

Empreendedor

Atualmente, inúmeros profissionais estão se transformando em microempreendedores individuais (MEI), prestando serviços em todos os setores da economia.

Assim, um jornalista pode atuar como freelancer em um site ou uma emissora de TV, um dentista, ter o próprio consultório, ou um chef, investir em um restaurante.

O empreendedor é quem investe no próprio negócio. Muitos deles inovam nas ideias e atuam em nichos de mercado pouco explorados.

Dentro dessa linha de pensamento, há empreendedores que exploram possibilidades nas áreas de exatas, humanas, biológicas, de lazer ou tecnologia.

Como escolher uma profissão?

A escolha de uma profissão é um dos momentos mais difíceis na vida dos jovens. Afinal, existem várias possibilidades que aumentaram com o avanço da tecnologia.

No entanto, há ajudas que devem ser valorizadas, como por meio de testes vocacionais. Nesse processo, você terá, pela frente, perguntas que vão apontar as suas principais habilidades e competências, demonstrando caminhos que estejam sintonizados com o seu jeito de ser.

Dessa maneira, a possibilidade de você acertar na escolha aumenta consideravelmente, ou seja, o sucesso profissional já começa desde cedo.

Além disso, outra dica é ler sobre os tipos de profissões e também ouvir pessoas que já estão no mercado de trabalho. Nesse aspecto, vale a pena, até mesmo, fazer visitas ao ambiente de atuação e participar de feiras vocacionais.

Onde estudar para exercer a profissão?

Atualmente, os cursos são fundamentais para o exercício de qualquer profissão. Por isso, você terá que se matricular em alguma instituição de ensino para obter o certificado.

Ela pode ser de ensino técnico, profissionalizante, superior, EAD, semipresencial ou presencial. Veja algumas faculdades que oferecem cursos em todos os tipos de profissões:

  • Centro Educacional Anhanguera;
  • Faculdade Pitágoras;
  • Unopar;
  • Uninter;
  • Cruzeiro do Sul Virtual;
  • Senac;
  • Sesi;
  • Centro Paula Souza (Fatec e Etec);
  • Estácio de Sá;
  • Unip.

Independentemente de qual curso você escolha, saiba que os tipos de profissões são direcionados para se encaixar nas suas preferências e competências, ou seja, o sucesso depende de esforço, disciplina, motivação e persistência da sua parte.

E aí, quer saber quais são as profissões que se encaixam em seu perfil? Então faça, agora mesmo, o nosso teste vocacional!

Campanha Always On Cronograma
Você pode gostar também