O setor de RH de qualquer empresa reúne diversos profissionais com atribuições específicas com foco no auxílio aos colaboradores. Entre eles, está o assistente de Recursos Humanos. Atuando de acordo com a política interna de uma companhia, ele fica responsável, também, por diversas atividades, desde a contratação de novos colaboradores até treinamentos.

Para você entender melhor e ficar por dentro dessa profissão, elaboramos este post com informações bem bacanas. Confira!

O que faz um assistente de Recursos Humanos?

No departamento de Recursos Humanos, o assistente é uma espécie de braço direito do gerente e dos analistas, sendo essencial para o bom andamento de todas as tarefas que dizem respeito aos colaboradores de uma empresa.

Esse profissional está sempre atento a melhorias que ajudam no aumento da motivação dos funcionários assim como no bom funcionamento dos benefícios e dos bem-estar dos funcionários. Veja algumas tarefas que compõem a rotina do assistente de RH.

Recrutamento e seleção

Todos os processos de seleção de novos colaboradores de uma empresa, seja online, seja presencial, contam com a participação do assistente de Recursos Humanos.

Nos recrutamentos, esse profissional atua para escolher os melhores talentos que estejam alinhados com os objetivos da empresa, principalmente para manter um time produtivo e motivado nas atividades diárias.

Além disso, elabora estratégias que contribuem para processos seletivos bem estruturados, fazendo sempre escolhas que evitem a alta na taxa de rotatividade ou a falta de engajamento por parte dos funcionários.

assistente de RH

Avaliações de desempenho

Outra função do assistente de Recursos Humanos é aplicar avaliações de desempenho criadas pelo setor, destinando feedbacks aos colaboradores.

Trata-se de uma tarefa que contribui com o aumento da produtividade, a otimização do tempo e a redução dos custos operacionais, principalmente por meio de orientações que ajudam no aumento da motivação.

Treinamentos

Tendo em vista que o mercado de trabalho sofre constantes mudanças e que o índice de competitividade só aumenta entre as empresas, nada melhor do que capacitar os funcionários.

É nessa hora que o assistente de Recursos Humanos atua também, sempre com foco na valorização do ser humano. Cursos são ministrados, e palestras informativas ou preventivas, realizadas tanto no ambiente do trabalho como de maneira online.

Além disso, os assistentes ficam responsáveis pela escolha dos temas que estejam mais alinhados com a política da empresa, sempre buscando a melhor capacitação.

Organização do ambiente de trabalho

Sabendo-se que o clima organizacional impacta diretamente na motivação dos colaboradores, o assistente de RH tem a função de elaborar estratégias que estejam sintonizadas com o bom andamento das rotinas em todos os departamentos.

Para isso, elabora programas e atividades que valorizam a qualidade de vida, como combate ao sedentarismo, tabagismo, entre outros.

Gestão e benefícios

O assistente de Recursos Humanos atua, ainda, na organização de todos os benefícios voltados aos trabalhadores de determinada empresa, como vale-alimentação, vale-transporte, plano de saúde etc.

Também pode mediar bonificações e prêmios por produção, sempre informando sobre os direitos e deveres dos funcionários, ou seja, tem ainda uma função de gestão de RH.

Quanto ganha um assistente de Recursos Humanos?

A média salarial de um assistente de Recursos Humanos está na ordem de R$ 1.900, mas o valor pode variar de acordo com o tamanho da empresa e a sua localização.

Geralmente, multinacionais pagam melhor e ainda oferecem benefícios extras, principalmente para profissionais com mais experiência e que dominam outros idiomas.

Inclusive, o setor de RH, como já citado aqui, tem várias possibilidades de crescimento. Ou seja, quanto mais o funcionário se capacitar, maiores são as chances de aumento salarial, podendo chegar a cargos com melhores rendimentos, como analista ou gerente.

Cursos de Recursos Humanos

Quem quer ser um assistente de Recursos Humanos pode fazer um curso técnico de dois anos ou uma faculdade de Administração de Empresas.

Ao concluir o curso superior, as oportunidades aumentam, pois você pode começar como assistente e, logo, ser promovido.

Existem cursos de Recursos Humanospresencial, semipresencial e 100% online, ou seja, as opções são variadas e ajudam na conciliação do tempo.

Portanto, até mesmo quem já esteja trabalhando em alguma função consegue estudar, objetivando um crescimento profissional.

Onde estudar?

Na área técnica ou superior, a formação em RH tem muitas opções no Brasil. Veja algumas instituições de ensino que oferecem esse curso.

Mercado de trabalho

Apesar da crise imposta pelo coronavírus, o mercado de trabalho para o assistente em Recursos Humanos está em boa evolução, pois as empresas estão passando por adaptações e reestruturações que necessitam de um olhar bem apurado nesse setor.

Afinal, a área de RH fica responsável não só pela contratação, como também pelas demissões. Isso quer dizer que ela sempre está em movimento, independentemente da situação econômica do país.

Além disso, as oportunidades estão em empresas de todos os portes e de áreas distintas. Assim, é possível conseguir um emprego no ramo alimentício ou no agronegócio.

Eligis - teste vocacional e profissional

Como se destacar na área

A primeira dica para você se destacar nessa área é investir no conhecimento, pois as empresas estão cada vez mais seletivas e em busca de profissionais bem capacitados.

Portanto, a busca pelo conhecimento deve sempre ser constante, assim como o alinhamento com as tendências, considerando que as mudanças no mercado de trabalho estão acontecendo em ritmo acelerado. Nesse sentido, a atualização deve ser uma prioridade.

É importante, ainda, investir no domínio de outros idiomas, como inglês e espanhol, pois as melhores oportunidades estão nas multinacionais.

Quem tem experiências extras, como intercâmbios ou trabalhos voluntários em ONGs, geralmente sai à frente no processo de seleção, pois se diferencia dos demais concorrentes.

Outra dica é gostar do clima organizacional e também dos processos que envolvem documentos e o dia a dia corporativo. Portanto, é importante ser uma pessoa bem analítica e que faça planejamentos constantes.

Como você pôde ver, o assistente de Recursos Humanos acaba sendo um auxiliar em várias vertentes, como na gestão de pessoas, tendo um vasto campo de atuação no Brasil.

E aí, ainda na dúvida sobre qual profissão seguir? Então não perca mais tempo e faça, agora mesmo, o nosso teste vocacional!

Campanha Always On Cronograma
Você pode gostar também